sábado, 12 de fevereiro de 2011

Centro do Universo

"O que eu fico tentando entender...É porque você está tão convencido assim de que é superior aos outros..."

"Ora, mas é muito simples! Eu SOU superior aos outros...A todos eles. Mesmo àqueles que considero melhores do que eu. Mesmo àqueles que vejo como gigantes. Me sinto superior a eles porque sou superior a eles, tanto quanto eles são a mim"

"Isso é um oxímoro absurdo! Não faz sentido algum considerar como gigantes aqueles a quem SENTE lhe serem inferiores.

"Quanto ao absurdo, fiz dele a minha vocação a muito tempo. Damo-nos bem, o absurdo e eu. E não, não é um oxímoro, mas uma verdade. E eu não disse que os outros são inferiores a mim. Disse que sou superior a eles (o que é diferente se você pensar a respeito) e essa é uma verdade. A minha!"

"De novo...Isso não faz sentido"

"Cuidado com isso.Perca a vida, mas não perca o sentido das coisas. Pense! Do ponto em que estou olhando, sentindo e vivenciando a realidade, o universo começa no meu umbigo  e se expande ao infinito e logo, eu sou o centro dele. Iso é verdade para mim e se você se atrever a pensar com honestidade e não temer uma censura por falar o que pensa, vai ter de admitir para mim que o mesmo se dá consigo. E com eles. Com todos os outros. Somos todos universos íntimos, andando lado a lado com outros universos. No dia em que eu morrer, tenho certeza, esse universo acaba, as estrelas se apagam e o mundo desmorona. Todos nós pensamos assim, bem lá no fundo, embora nos empenhemos com sinceridade em pensar e afirmar o oposto. Então, não é a vaidade que me move a afirmar que sou a criatura mais importante do universo, mas a convicção e a certeza de que só posso sentir amor pelo universo e por tudo o que ele contém, porque no intervalo entre nós, tenho uma noção muito profunda de EU. E me desculpe por considerar o meu coração como mais importante do que o seu, porque é com esse meu coração que te amo, meu universo..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...